segunda-feira, 7 de novembro de 2011

[Carta para um melhor amigo]

Dizem que amizade entre homem e mulher não existe. Discordo totalmente. Eu e tu somos a prova disso. Tu és chato, adoras perturbar-me, mexer no meu cabelo, e também dizeres o quanto gostas de mim. És sincero, até demais. Sabes quando estou desanimada, quando não quero conversar e ajudas-me em qualquer problema. Abraças-me e dizes coisas agradáveis quando mais preciso. Fazes-me sorrir, gargalhar e chorar. Sentes ciúmes de coisas parvas e de outros amigos. Surgis-te no momento certo, quando mais precisei de um ombro amigo, quando todas as pessoas resolveram abandonar-me. Lembras-te quando combinamos compartilhar tudo um com o outro? Relacionamentos, sofrimentos, sentimentos, felicidades (…) Promessas sobre o futuro. Distância jamais atrapalhará a nossa amizade, aliás, nada irá atrapalhar. Um irmão que sempre desejei, sempre a cuidar de mim e a proteger-me. Eu te gosto tanto de ti, burrinho. Meu tótó preferido, meu melhor amigo

Readaptada

-J

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

[Carta a uma mãe]


Mãe, estás-me a ouvir? Espero que sim… Eu queria pedir desculpas todas as vezes que eu deixei de te ajudar e que eu revirei os olhos enquanto falava contigo. Queria dizer que tu me crias-te muito bem. Eu sei o que é certo e errado. Mamy? Ainda estás aí? Então, eu quero agradecer por tudo que me falas-te sobre sentimentos e essas coisas.. Mãe, se eu fizer alguma asneira promete que me perdoas? Se… se eu acabar por fazer… desculpa-me. Eu vou ser um motivo de desorgulho? Provavelmente. Mãe, eles magoam-me. Sempre, a toda hora. Eles podem não perceber, mas fazem-no mãe. É tão complicado tentar pôr isto em palavras. Tu achas que eu estou bem… mas não. Mãe, eu posso parecer feliz e infantil… mas não. Eu não sou. Mas quando eu olho para o teu rosto eu sinto a vontade de sorrir, só por te ter junto a mim. Mãe, desculpa… eu podia me desculpar com várias pessoas, mas o certo, é eu me desculpar contigo. Foste tu que me ensinas-te tudo que eu sei… E foste a que disse que isso seria errado. Mas mãe, eu estou perdida. Não sei mais o que fazer. Espero que entendas. Eu amo-te. E desde já, peço desculpas.

Readaptada
-J

segunda-feira, 31 de outubro de 2011

[Carta para uma ex-melhor amiga]


Antes de entrares na minha vida, eu não sabia o que era amizade de verdade, uma amizade verdadeira, eu não sabia que esse sentimento realmente podia existir. Foi tudo tão normal, tu entras-te na escola como outras pessoas, mas tu sentavas-te perto de mim, e nós conversávamos, e fomos-nos aproximando, e de repente tornamos-nos melhores amigas, tornamos-nos irmãs, era incrível como nos conhecíamos, um olhar já bastava, foram tantas histórias, tantos risos, tantas conversas, desabafos, tantos planos, algumas , tantos choros, tantos momentos inesquecíveis, nós prometemos que seriamos melhores amigas para sempre, mas não conseguimos cumprir essa promessa, e eu confesso que foi realmente muito difícil para mim, ver-te ir embora e não puder fazer nada, foi só uma ano, foi pouco não é? Mas eu vi mais coisas, do que vi com pessoas que eu conheço á anos, e sabes eu não me arrependo de nada, de nada, se eu pudesse voltar atrás no tempo, eu faria tudo igual, só não te deixaria ir,  mas a vida é assim, ela é dura connosco, e nós temos que aprender a conviver com essa dor, e querendo ou não eu tive que aprender a viver com a minha.

Readaptada.
-J

[forever]

E o para sempre, sempre se vai. Como tudo é só uma questão de tempo.

-J

domingo, 18 de setembro de 2011

domingo, 7 de agosto de 2011

[H]

Hercules (1997)

Meg: "I'm a big tough girl. I tie my own sandals and everything."

domingo, 31 de julho de 2011

segunda-feira, 25 de julho de 2011

TAG.

Regras:
1. Divulgar quem passou a tag: Rita Andrade
2. Postar 10 fotografias das coisas que vocês mais gostam (podem ser da Internet)

Família  

Valter

Melhores amigas*

Melhor Amigo
Fotografia

Música

Praia

Tumblr

Turma 101C**

Telemóvel


* Na foto só tem as minhas cinco lindas, mas tenho ainda outras amigas que gosto muito.
** Não tinha nenhuma foto da minha turma toda junta, então publiquei essa.

PS.: Existem muitas mais coisas que amo, mas não podia pôr tudo :c

 3. Passar a tag a 10 meninas: passava se tivesse a quem passar xD

Ana Luísa - [I can change my mind and turn it all around 
Joana Silva - Ouve o teu coração ** 

 

domingo, 24 de julho de 2011

[frágil]

 
"Eu não sou nenhuma menina perfeita, mas eu tenho um coração, sabem ?  E ele é frágil. Por isso por favor não o magoem."
 
-J

sábado, 23 de julho de 2011

[G]

Gentlemen Prefer Blondes (1953)

Dorothy Shaw: "In bed by nine? That's when life just begins!"

quinta-feira, 14 de julho de 2011

segunda-feira, 11 de julho de 2011

[bad days]

Há aqueles dias em que uma pessoa apenas se sente triste e nem sequer sabemos porquê. É, quase, como se tivessemos perdido alguma coisa muito preciosa mas nos tivessemos esquecido do que é, ou como se estivessemos a sentir saudades de alguém que nem sequer conhecemos...



... é há dias assim.

-J

domingo, 10 de julho de 2011

[real friends ♥]

Amizade verdadeira não é ser inseparável. É estar separado, e nada mudar.
 
 
 
-J

quinta-feira, 16 de junho de 2011

sábado, 11 de junho de 2011

domingo, 5 de junho de 2011

quarta-feira, 1 de junho de 2011

sábado, 21 de maio de 2011

quinta-feira, 19 de maio de 2011

And you're tied together with a smile, but you're coming undone ;c

"Hold on, baby, you're losing it
The water's high, you're jumping into it
And letting go... and no one knows
You cry, but you don't tell anyone
That you might not be the golden one
And you're tied together with a smile
But you're coming undone"
 
 
-J

quarta-feira, 27 de abril de 2011

at this moment I decided to stop having expectations :x

Tu pensas que conheces as pessoas, e elas surpreendem-te! Infelizmente, sou obrigada a concordar com esta expressão. Sim é verdade, quando nós pensamos que tudo está a fluir bem ocorre sempre algo inesperado, e desta vez foste Tu - mas porquê tu, isso eu não consigo entender de todo. Fiz tudo o que estava a meu alcance para te proteger, ajudar, alegrar e como agradecimento o que é que recebo? Uma chapada na cara, daquelas que ficam marcadas para sempre -.- eu sei que estás a passar por algo mau neste momento, também não te vou mentir e dizer que o mundo é uma linda bola brilhante de pureza, pois não o é, no entanto eu fui assim para ti - sabes tudo o que existe para saber sobre mim, não me podias conhecer melhor e fazes questão de realizar o acto que mais me assombra e petrifica "abandonar-me".

Tudo bem, quer dizer, não não está nada bem. As coisas não se resolvem assim, mas se é o que tu queres fazer, segue em frente D: é só mais uma puta de uma razão para eu deixar de acreditar em todos os que prometem ficar comigo, tal como tu fizeste.


 it's already broken









[sem mais nada a dizer - J]

sábado, 16 de abril de 2011

[bad dreams]

i don't sleep well for days, I just want a restful night without any nightmare +.+

quarta-feira, 13 de abril de 2011

[...tudo por mais um beijo :* ]


Incansáveis. Era exactamente a palavra que eu procurava para adjectivar cada um dos beijos que me presenteias.  E cada segundo que passo sem os puder prezar é como se fosse uma eternidade. Nesses momentos eu tento pensar e conter na minha mente as memórias de quando somos apenas nós dois, os nossos lábios tocam-se e daí floresce o beijo mais puro.




É verdade, eu dava tudo por um beijo teu neste preciso momento. *.*

quinta-feira, 7 de abril de 2011

Happy B-Day [Valter Santos] *.*



Espero, realmente, que estejas feliz *.* eu só quero estar a teu lado agora e sempre.





for me there is only...
 
 
...YOU <3



segunda-feira, 4 de abril de 2011

Pequenas [grandes] coisas que me fazem feliz *.*

Coisas que ao primeiro olhar podem parecer insignificantes, a mim fazem-me feliz. Não me perguntem a razão pois, provavelmente, não saberei responder apenas regojizam os meus dias; e criam aqueles momentos a que podemos chamar "momentos felizes":

  • quando saio do meu café, de manhã, com a música "I like the way you move" a tocar na rádio;

  •  quando vou com a minha mãe, fazer alguma coisa, mesmo que não vamos fazer nada;

  • quando Ele me deita a lingua de fora ao olhá-lo;

  • quando como filipinos com queijo philadelfia (sim sou EU, estranha);

  • quando passamos as aulas técnicas a ver videos estúpidos;

  • quando me encolho com medo de trovoada (sadomasoquismo, maybe o.O);

  • quando estou com a minha familia toda reunida, por pouco tempo que seja;

  • quando o meu olhar encontra o lindo olhar Dele;

  • quando ouço o riso sincero da minha irmã pequenina;

  • quando o meu  melhor amigo me faz rir, apenas porque me quer ver sorrir;

  • quando tudo desaparece e sou apenas Eu e a minha música;

  •  quando a viagem de autocarro passa num instante pois significa que me estava a divertir imenso;

  • quando como bacon com a minha melhor amiga;

  • quando faço cupcakes;

  •  quando sou fotografada pelo meu melhor amigo;

  • quando me apercebo de certas barbaridades e rio-me sozinha;

  • quando apanho um banho de chuva;

  • quando recebo flores sem motivo algum aparente;

  • quando sinto que ajudei alguém;

  • quando vejo um filme até ao fim e fico vários dias a pensar "Wow";

  • quando a minha mãe me chama "filhota"; :3

  • quando o pessoal do café faz coisas estúpidas que até choro a rir;

  • quando escrevo no meu blog;

  • quando passo os melhores momentos na fila da cantina;

  • quando por momentos penso que estou a viver um sonho;

  • e principalmente quando Ele sussurra as  palavras "amo-te" 




Momentos que me fazem continuar a sorrir *.*